Registro medieval do século XIV do Bispo de Osgraige está disponível online

O registro episcopal medieval de Richard Ledred, o tempestuoso Bispo de Osraige (Ossory) na Irlanda do século XIV, foi digitalizado e tornado público para uma audiência mundial. As 79 folhas de velino, unidas com couro vermelho – dando ao livro o nome sugestivo de Livro Vermelho de Osraige – é um dos manuscritos mais importantes do arquivo do Corpo Representativo da Igreja da Irlanda (RCB), o curador executivo da província.

Richard Ledred – ou Richard de Ledrede como outrora fora conhecido – foi Bispo de Osraige de 1317 até sua mortem em 1360 ou 1361. Este livro contém as letras de não menos do que 25 hinos relacionados a natividade, escritos pelo Bispo Ledred. Também contém registros tardios da época de Elisabete I.

“Como outros registros episcopais medievais, ele contém uma grande variedade de documentos que desafiam sua classificação, a escolha dependia do que era importante para cada bispo, neste caso de acordo com Ledred”, informou a Igreja da Irlanda.

Dr. Adrian Empey, membro do Comitê da Igreja de Bibliotecas e Arquivos, disse que Ledred foi “um dom mais extraordinários bispos jamais a ocupar a sé de Osraige. É uma grande alegria que a Biblioteca achou oportuno disponibilizar não apenas os hinos mas todo o conteúdo único do Livro Vermelho de Osraige em formato digital para que todo o mundo possa ver”.

O volume é internacionalmente reconhecido por um sem número de razões: ele contém vários documentos de interesse legal, como provisões da Magna Carta.

Mas o mais interessante é o longo tratado médico de aqua vitae – ou conhaque, como é mais conhecido atualmente. As três páginas e meia escritas em latim incluem a mais antiga receita conhecida de destilação em qualquer manuscrito irlandês, e seu conteúdo é de particular interesse para a indústria contemporânea de whiskey irlandês.

Mas sua inclusão está menos conectada à jovialidade da época de Natal e mais ligada a suas qualidades medicinais: talvez relacionada à Peste Negra que devastou Kilkenny em 1348.
A Diocese de Osraige é uma das mais antigas da Irlanda, sendo uma das 24 que foram criadas no Sínodo de 1111 em Ráth Breasail, que viu a Igreja da Irlanda mudar de um modelo monástico para outro baseado em dioceses e paróquias. Ela continuou a existir até que a sé de Osgraige foi agrupada no bispado de Osgraige, Ferns e Leighlin; em 1977 outra fusão viu a criação da atual diocese de de Cashel e Osgraige. Durante a Reforma, existiram duas sé paralelas, uma católica e outra anglicana; a Diocese Católica de Osgraige continua até hoje.

O livro ficou disponível como parte de um projeto em andamento de digitalizar o arquivo histórico da Igreja da Irlanda. Você pode ver o livro – e o resto da coleção – no site ireland.anglican.org/library/archive.

Publicado em 08/12/2017 no site Anglican Communion News Service.