História do Dia Mundial de Oração em Cuba

Caso você queira participar das celebrações do Dia Mundial de Oração de 2016 no dia 04 de março, sexta-feira, temos como sugestão os seguintes horários e locais:
– Paróquia de São João (IEAB), 13h30 (em japonês)
– Paróquia Santa Cruz da Reconciliação (ICAR), Rua Valdomiro Fleury, 180, 15h.

“Quem receber esta criança em meu nome a mim me recebe”

Todos os anos, na primeira sexta-feira do mês de março, mulheres em todo o mundo se encontram para celebrar o Dia Mundial de Oração com base em tema preparado por mulheres de um determinado país. Em 2016 a celebração foi preparada por mulheres de Cuba.

Em 1930 a Igreja Presbiteriana Reformada de Cuba celebrou o Dia Mundial de Oração pela primeira vez, com um programa enviado por mulheres dos Estados Unidos da América. A Igreja Metodista começou sua celebração no ano de 1931. A primeira participação no DMO foi em 20 de fevereiro de 1931. O Exército da Salvação manifesta que já no ano de 1972 celebravam o DMO. Essas três denominações foram as primeiras a ter contato direto com o Dia Mundial de Oração, graças às parceiras nos Estados Unidos, que lhes enviavam material diretamente daquele país. A primeira sexta feira de março converteu-se em um dia muito especial entre as mulheres metodistas, presbiterianas e salvacionistas.

Em 1975, Ano Internacional da Mulher, promovido em todo o mundo pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura da UNESCO, o então Conselho de Igreja Evangélicas de Cuba organizou o Departamento de Mulheres.

Lois Kroheler, única missionária presbiteriana estadunidense que permaneceu em Cuba depois do início da Revolução de 1959, e Dora Valentin, impulsionaram a celebração do Dia Mundial de Oração. Foi assim que o DMO foi se expandindo, primeiramente pelo mundo evangélico e/ou protestante e depois, em algumas paróquias católicas. Hoje temos quase 30 diferentes denominações que participam do DMO.

Fonte: Portal Luteranos.